11 de setembro de 2007

História da Estrela


Quem não lembra da marca de brinquedo ESTRELA, na minha infância era uma das melhores, mas com o tempo e com os importados em alta foi perdendo o posto, e se encontra cada vez mais "sumida" dentre tantas marcas....



Conheça aqui a História da Estrela:




Prestes a completar sete décadas de existência no próximo ano, a Brinquedos Estrela faz parte da vida de milhões de brasileiros. Por meio de produtos que sempre atraíram o interesse das crianças, a empresa trilhou continuamente o caminho da inovação. De uma modesta fábrica de bonecas de pano e carrinhos de madeira até se tornar uma indústria automatizada produzindo brinquedos diversificados com materiais como plástico e metal, a Estrela manteve, ao longo de sua história, a preocupação de fazer da marca referência de qualidade e pioneirismo. Foi uma das primeiras companhias brasileiras a abrir capital, em 1944, constituindo-se em sociedade anônima. Com um histórico de mais de 25 mil brinquedos diferentes produzidos em suas unidades fabris, totalizando aproximadamente 1,2 bilhão de unidades distribuídas no país, a companhia criou, na capital paulista, há seis anos, uma espécie de museu, denominado Casa dos Sonhos. Os freqüentadores do espaço têm a oportunidade de fazer uma viagem ao passado. Ao entrar em contato com brinquedos que fizeram parte do sonho de várias gerações, o público constata as mudanças ocorridas também na sociedade brasileira. Pelo portfólio da Estrela passaram vários itens, que foram sucesso de vendas. O Banco Imobiliário, por exemplo, versão local para o jogo de tabuleiro Monopoly, foi distribuído em todo o país ainda na década de 40. As bonecas Susi, que ficaram fora das prateleiras das lojas especializadas a partir de 1985, retornaram ao mercado em 1997, quando Mattel e Estrela romperam acordo de produção da ícone de “fashion doll” Barbie. Infelizmente, nos últimos anos, a empresa praticamente sumiu da mídia e reduziu drasticamente seus investimentos em marketing ao perder mercado para os produtos chineses. Hoje, a Estrela possui cerca de 400 produtos em linha.

5 comentários:

  1. luciana,

    Putz, me lembro da marca ESTRELA.
    Passei horas e horas jogando banco imobiliario.

    Uau!

    ResponderExcluir
  2. Oi Helena!!
    É uma história linda, não?
    Não dá pra esquecer de uma marca que nos acompanhou na infância, crianças nunca esquecem... (mesmo grandes rs)
    bjus

    ResponderExcluir
  3. Maria5:04 PM

    Oi! Li seu comentário sobre a Estrela, e adorei. Estou com certas dificuldades para fazer uma pesquisa sobre a marca Estrela, se alguém, tiver informações tais como: brinquedos mais vendidos; por que o nome Estrela, ou qualquer outra informação, por gentileza me escreva, enviem os links e eu lhes serei muito grata.
    Abraços
    Maria
    Aprenderbr@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  4. Andréa Cabral11:48 PM

    Olá, gostaria de saber qual a agência que tem a conta da estrela.... Você sabe??
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  5. Anônimo3:57 PM

    Deixando o saudosismo de lado e sem deixar de dar a importancia devida a empresa na historia de algumas gerações, devemos olhar pelo lado que naquela epoca não era acessivel a todos a compra de brinquedos e hoje podemos ver criancas de todos os niveis sociais com seus brinquedos.
    Independente das mudanças que ocorreram nos ultimos governos a Estrela se quebrou por não saber se adequar a nova realidade dos produtos baratos chineses, confiou demais no seu Know-How e se deu mal.

    ResponderExcluir